Reflexões sobre amor e morte estão entre os temas de "Os Realistas"

 

Em 2014, durante uma viagem a Nova York, Debora Bloch assistiu a comédia The Realistic Joneses na Broadway. Encantada com o texto do dramaturgo Will Eno, ela correu atrás dos direitos para montá-la no Brasil. De lá pra cá foram muitas adaptações, leituras. ensaios, e desde janeiro de 2016 Debora está de volta aos palcos acompanhada por Emílio de Mello, Mariana Lima e Fernando Eiras.

 

Os Realistas é considerada uma "comédia existencial." Na história, dois casais de vizinhos se encontram e descobrem que têm algo mais em comum do que o sobrenome e as casas idênticas. A direção é de Guilherme Weber, especialista na obra de Eno.

 

A peça estreiou em janeiro de 2016 no Teatro Poeira, Rio de Janeiro, e já foi apresentado em São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Belo Horizonte, Brasília, Goiânia. Uberlândia e Salvador.

Debora ganhou o prêmio CensgranRio pela sua atuação na peça e mais duas indicações, no Prêmio Shell e Qualidade Brasil.

A peça também recebeu no CesgranRio indicações na categoria de Melhor Espetáculo, Melhor Ator para Emílio de Mello, e Melhor Cenário para Daniela Thomas.

A peça também recebeu no CesgranRio indicações na categoria de Melhor Espetáculo, Melhor Ator para Emílio de Mello, e Melhor Cenário para Daniela Thomas.

 

Acompanhe novidades pelas redes sociais:

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Os Realistas (The Realistic Joneses)

De Will Eno

 

Direção: Guilherme Weber

Elenco: Debora Bloch, Emílio de Mello, Fernando Eiras e Mariana Lima

Direção de produção: Alessandra Reis

Cenografia: Daniela Thomas e Camila Schmidt

Figurino: Ticiana Passos

Iluminação: Beto Bruel

Trilha sonora: Guilherme Weber

Orientadora corporal: Cristina Moura

Tradução: Ursula de Almeida Rego Migon e Erica de Almeida Rego Migon

Críticas e Matérias Relacionadas:

 

"De um lado, Debora Bloch e Emílio de Mello; do outro, Fernando Eiras e Mariana Lima; no meio um diretor atento às entrelinhas metafóricas de um mal-do-séculos às avessas: Guilherme Weber, de uma maturidade singular como encenador."

 - Rodrigo Fonseca no Estadão. 

 

" Vi uma peça onde os personagens me deram a mão com a potência e a leveza de um recém-nascido."

- Maria Ribeiro no O Globo.

 

Mariana Lima e Debora Bloch no RJTV.

 

Debora Bloch fala sobre o espetáculo no programa Altas Horas.

 

Glamurama entrevista Debora Bloch. Ela reflete sobre vida, crise de relação e vizinhos.  


Critica: Os Realistas, por Lionel Fischer.

 

Crítica: Os Realistas, pelo Teatro Jornal

Clipping

Todos os direitos reservados à DEBORA BLOCH©  2016 // Site

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon